TRATAMENTO DE ÁGUA SUBTERRÂNEA UTILIZANDO TÉCNICA DE OXIDAÇÃO QUÍMICA – RIO GRANDE DO SUL | BR

Historicamente o Site foi utilizado nos processos de produção de defensivos agrícolas. Ao longo das atividades no Site, compostos orgânicos voláteis (VOCs) contaminaram o aquífero raso. Após anos de monitoramento e estudo da área, verificou-se que a pluma de contaminação alcançou um equilíbrio natural no aquífero raso, que não é utilizado para consumo humano, e não chegou a migrar para o aquífero fundo. Por não apresentar riscos à saúde humana ou riscos ecológicos, foi proposto o tratamento da água subterrânea por meio da técnica injeção de oxidante químico, tendo como objetivos a aceleração dos processos de atenuação das concentrações de compostos orgânicos voláteis e a criação de fatores de segurança adicionais para potenciais receptores. Após a realização de um teste piloto na área de injeção do oxidante, a NewFields selecionou o persulfato de sódio, como agente oxidante, e levantou as características litológicas da área. Essa área foi dividida em blocos de tratamento, em que novos poços de injeção foram construídos. A quantidade de massa de solvente e de matéria orgânica, no entorno de cada poço de injeção, também foi calculada.
Durante dois anos de atividades, a NewFields realizou cinco campanhas de injeção, obtendo resultados de remoção de compostos expressivos, da ordem de até 90% por área de injeção, alcançando, assim, o objetivo principal de atingir as concentrações adequadas na interface água superficial e água subterrânea.

Share Tweet Pin it